Notícias e histórias

ព័ត៌មាននិងរឿងផ្សេងៗ

Saber a quem agradecer

Quando estávamos estudando japonês, um dia eu disse à minha professora que meu marido lavava a louça em casa. Ela me corrigiu porque eu havia falhado em usar o padrão de frase que mostra gratidão por uma ação recebida. Bem, para ser honesta, eu não estava conscientemente grata. Ambos estávamos estudando japonês em tempo integral, então dividimos as tarefas domésticas. Parecia justo que ele lavasse a louça. Mas, uma vez que ela mencionou isso, eu supus que realmente estava agradecida.

Isso me introduziu à importância de expressar agradecimento na língua e cultura japonesas. À medida que aprendi a usar esse padrão gramatical, meus olhos se abriram para quantas coisas eu posso agradecer. A sincera gratidão dos cristãos japoneses por coisas “normais” me desafiou. Ao ouvir orações de agradecimento pelo fato de podermos nos reunir, ou pela bênção de orar juntos, ou pela graça de compartilhar a comunhão, Deus expôs meu cinismo e me levou ao arrependimento.

Romanos 1:17, ao explicar o problema abrangente do pecado, nos diz: “Porque, conhecendo a Deus, não o glorificaram como Deus, nem lhe renderam graças.” O pecado de não dar graças nos afasta de Deus e nos leva à escuridão.

Ingratidão como pecado é um conceito que descobri que pode se conectar com as pessoas aqui. As pessoas podem entender facilmente o quão errado isso é por causa de sua relevância cultural. Uma vez que você tenha estabelecido que Deus é o Criador, aquele que nos deu a vida e tudo mais, então naturalmente se pode concluir que é certo expressar-lhe agradecimento.

Durante a pandemia, fiz um vídeo para crianças sobre a história em que Jesus cura dez leprosos mas apenas um volta para agradecer. Depois de postá-lo no canal do YouTube da nossa igreja, minha amiga ainda não cristã me enviou uma mensagem imediatamente dizendo as coisas pelas quais ela queria agradecer a Deus.

Mas quando a maioria dos japoneses nunca ouviu falar do Deus Criador, como podem agradecer a ele? Não saber a quem agradecer pode levar a agradecer ao presente em vez do doador. Ao apresentarmos as pessoas ao seu Criador, estamos convidando-as a se juntarem ao cântico de agradecimento ao seu Criador.

Por Sian, uma missionária da OMF

Compartilhe este post

Envolva-se

Tem perguntas? Envie-nos um e-mail.

Sua consulta será encaminhada para a equipe OMF pertinente.

Contact Form - PT

Ai clicar em Enviar, você concorda com o processamento das suas informações de acordo com os termos em nosso Política de Privacidade.

OMF International possui uma rede de centros em todo o mundo.
Se o seu país/região não estiver listado, selecione nosso site internacional.