Quando o Japão declarou estado de emergência, nossa igreja, como muitas outras, de repente foi colocada em uma situação na qual não podíamos mais nos reunir em um espaço físico. ⁠

Nossa pequena equipe de plantação de igrejas precisou pensar em novas tecnologias e aproveitar as oportunidades para realizar os cultos da igreja e os estudos bíblicos online por meio de videochamadas em grupo. ⁠

Fomos encorajados pela crescente aceitação e a facilidade de encontrar outras pessoas online pois isso facilitou a participação de algumas pessoas mais do que antes. Fomos, então, desafiados a não apenas ver as limitações, mas também as oportunidades diante de nós. Ao mesmo tempo em que tentamos ficar em oração em em paz, procuramos maneiras criativas de cuidar das pessoas ao nosso redor, mesmo quando não conseguimos vê-las. ⁠

Alguns da nossa equipe fizeram cestas de Páscoa e as entregaram a pessoas que conhecemos. Também compartilhamos máscaras com pessoas que não conseguiram encontrar para comprar. Quando todas as escolas foram instruídas a fechar devido ao surto do vírus, os membros da equipe procuraram os pais dos alunos para oferecer assistência online às crianças. ⁠

Também estamos explorando maneiras criativas de manter conexões significativas com nossa comunidade local. Foi muito encorajador ver todos usando seus diferentes dons e interesses para abençoar os outros. Temos aulas de culinária online, noites de jogos de tabuleiro e encontros especiais de cinema online seguidos de conversa sobre o filme. ⁠Como não podíamos ir a áreas com aglomerações para nos reunirmos em grupos, realizamos uma festa virtual de Hanami (data especial para contemplar as flores), compartilhando as fotos feitas localmente ou nos anos anteriores.

Foi bom conhecer melhor as pessoas e parece que elas realmente estão apreciando a oportunidade de conversar e compartilhar a vida assim, apesar de não poderem se encontrar pessoalmente.

– Por um missionário da OMF na região urbana do Japão

Start typing and press Enter to search